Farmácias e médicos em guerra

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Farmácias e médicos em guerra

Mensagem por flaviorochafaria em Sab 18 Abr 2009 - 7:34

16 Abril 2009 - 00h30
Saúde: João Cordeiro quer investigação à qualidade da prescrição médica


Farmácias e médicos em guerra

A Associação Nacional das Farmácias (ANF) acusa os médicos de receitarem medicamentos dos mesmos laboratórios e vai avançar com o pedido de investigação sobre a qualidade do receituário. A Ordem dos Médicos fala em calúnia e vai pedir uma investigação às receitas que João Cordeiro recebe na sua farmácia. A Inspecção-Geral das Actividades em Saúde (IGAS) só deverá investigar denúncias formais.

O presidente da ANF, João Cordeiro, confirmou ao CM a intenção de avançar com o pedido formal de investigação, depois de ter referido num debate televisivo – no qual participou o bastonário da Ordem dos Médicos, Pedro Nunes – que recebia na sua farmácia, aos fins-de-semana, "receitas a papel químico de apenas dois laboratórios": "Temos advogados a analisarem a questão, para saber a que entidades pediremos uma investigação."
Ao CM, Pedro Nunes considerou que, ao pedir a avaliação da prescrição, João Cordeiro "está a lançar a calúnia sobre toda a classe médica": "Vamos pedir à IGAS que investigue o receituário que recebe porque tem de fundamentar as queixas para saber que receitas estão erradas." O responsável dos médicos acrescentou que "se a ANF está tão preocupada com os clientes, prescinda de parte dos lucros fabulosos e das margens de lucro e os doentes ficam com os medicamentos gratuitos."
O Ministério da Saúde remete-se ao silêncio.
APONTAMENTOS
GENÉRICOS
A polémica entre as farmácias e os médicos começou no início do mês quando a Associação Nacional das Farmácias propôs avançar com a substituição dos medicamentos de marca pelos genéricos mais baratos.
MINISTRA CONTRA
Após o anúncio da campanha das farmácias, a ministra da Saúde, Ana Jorge, revelou que não iria autorizar o pagamento das receitas que apresentassem uma substituição de medicamentos não autorizada pelo médico.
APIFARMA REJEITA
A Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica (Apifarma) garantiu ontem que pauta a sua actuação "no cumprimento escrupuloso" da lei e "repudia as suspeições e insinuações" sobre as empresas.
Fonte:
Correio da Manhã
Cristina Serra

flaviorochafaria

Número de Mensagens : 56
Localização : Palmela
Data de inscrição : 03/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum